Um cara experiente (letra)

Um cara experiente
Já queimou o bigode
Tomou porre de aguardente
Virou lata num gole

Um cara experiente
Bebe, bebe toda hora
Bebe a cerveja quente
Porque gelar demora

Um cara experiente
Gorfou na beira da pia
A ressaca é repetente
Amanhã é alegria

Um cara experiente
Tem conta no boteco
A folia é permanente
É só encher o caneco

Um cara experiente
Já fez vergonheira
Queimou a largada
Em plena quinta-feira

Um cara experiente
Dá conta do recado
Quando o assunto é festa
Tá sempre preparado

Um cara experiente
Todo dia uma história
É tanta felicidade
Que não cabe na memória

Um cara experiente
Muitos anos de manguaça
A barriga cresce
Enquanto o tempo passa…

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *